Notícia Independente

Informação diferenciada para você

  • Estatística

    • 13,652 visitantes
  • novembro 2009
    D S T Q Q S S
    « set   fev »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    2930  
  • Editorias

  • Assinar

Festival de dança no Rio traz inovações para o estilo contemporâneo

Posted by Roberta Andrade Cylleno em 30/11/2009

A 18ª edição do Festival Panorama de Dança, que aconteceu entre os dias 5 e 15 de novembro deste ano, apresentou mais de cinquenta espetáculos. Entre eles, números de dança para todas as idades, exibições de filmes, workshops com profissionais renomados, troca de ideias entre dançarinos para o aperfeiçoamento da dança contemporânea e uma mostra universitária. A concentração maior foi em centros culturais e teatros no Centro da Cidade do Rio de Janeiro. Mas muitas apresentações também ocorreram em casas espalhadas pelas Zonas Norte, Sul, Oeste, Baixada Fluminense e São Gonçalo.  O evento que acontece desde 1992 foi criado com a intenção de divulgar a dança no Brasil, a um preço acessível, e gerar uma interação entre dançarinos de todas as nacionalidades.

Os quatro espetáculos voltados para crianças são de estilos bem variados. De esconder para lembrar fala dos medos e das brincadeiras da infância de forma lúdica e divertida. Borbulho traz em um cenário futurista, a interação entre animais e aborda questões sociais e ambientais. Em “À la carte” é apresentado ao público o mundo do Street Dance. E Quando crescer, eu quero ser… conta a história de uma bailarina que deseja ser a melhor e acredita que deve seguir os passos de seu ídolo.

As exibições de filmes de espetáculos de dança foram todos internacionais. França, Itália, Bélgica Eslovênia e Alemanha dividiram espaço no Centro de Arte Maria Teresa Vieira, Centro Municipal Hélio Oiticica e o Oi Futuro. A performance Life [in progress] merece destaque por proporcionar a interação do público. À medida que os espectadores respondem às instruções, modificam o ritmo e a sensibilidade da apresentação, e criam o espetáculo ideal para si. O recém-inaugurado Centro de Artes da Maré também não ficou de fora desse circuito e exibiu, com entrada franca, seis horas de projeções simultâneas de danças, precursoras e atuais, nas paredes do estabelecimento.

A oficina infantil danças urbanas, oferecida pelo professor e corógrafo Rodrigo Bernardi (um dos precursores do Street Dance), foi a única aberta ao público, e com entrada franca. As outras três residências eram apenas para dançarinos pré-selecionados, depois de uma avaliação criteriosa do currículo, com vagas limitadíssimas.

O coLABoratorio, que acontece simultaneamente em Teresina e no Rio de Janeiro, é um segmento de grande importância no festival. Quinze artistas bolsistas de cada cidade são selecionados, para trabalhar em parceria, com o objetivo de debater as práticas e problemas da dança contemporânea.

De classificação livre, a Mostra Universitária acontece pelo quarto ano consecutivo no Panorama e tem como objetivo mostrar experimentações da dança contemporânea no ambiente universitário. UniverCidade, UFRJ e Faculdade Angel Vianna já são marca registrada, mas todo ano uma universidade de outro estado é convidada a participar. A eleita desse ano foi a UFBA, a primeira faculdade de dança no Brasil e a precursora (e única do país) a oferecer um curso de mestrado em dança.

A aluna da UniverCidade Amanda Fontenelle participou com a performance de quatro minutos No centro da vontade. A inspiração veio de suas memórias dos tempos da infância e do momento pelo qual está passando agora. A mistura de sentimentos e sensações encontram-se na busca de um lugar em que tudo faça sentido.

“Por ser muito perfeccionista, durante o processo de criação que durou cerca de quatro meses, tive alguns momentos de desistência, de achar que não ficaria bom e que não seria capaz. Foi uma grande surpresa meu trabalho ter sido indicado. Acho que foi no momento certo, foi como uma resposta. Justo agora que estou conseguindo me firmar como bailarina e coreógrafa profissionalmente”, contou Amanda, realizada.

 

Mostra Universitária

Uma resposta to “Festival de dança no Rio traz inovações para o estilo contemporâneo”

  1. Já ouviu falar no Brasil Game Show o maior evento de games que existe no Brasil e acontece todo ano aqui no Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: